Talvez eu não tenha mostrado o quanto eu fiz, lamenta Xan Ravelli

Influenciadora se defendeu e disse que pacto com Gabi Lopes "nunca aconteceu"

Após uma das salas de reunião mais tensas desta temporada, Xan Ravelli foi a décima-primeira demitida de O Aprendiz.

A influenciadora teve que lutar para se defender depois de receber acusações como o a de Erasmo Viana, que alegou que ela e Gabi Lopes teriam feito um "pacto" de nunca se indicar para salas de reunião. "Isso nunca aconteceu. Não sei como ela interpretou nossa amizade", revelou Xan em entrevista ao Portal da Band.

A youtuber acredita que sua demissão foi por "falta de afinidade" com Roberto Justus. "Fui demitida por algo que ele sentiu, afinidade mesmo". Ela usou uma famosa frase do apresentador para exemplificar suas dificuldades no programa. "Você não tem só que ser, tem que parecer. Talvez eu não tenha mostrado para eles o quanto eu fiz pela equipe, inclusive na sala de reunião mesmo. Não basta você se defender, você tem que atacar o outro. Isso para mim é muito difícil", confessou.

Xan também lidou com a angústia de ficar longe do marido e dos filhos durante o período de confinamento, chegando a chorar durante a tarefa da educação à distância, quando a família apareceu para vê-la na tenda e ela não pôde falar com eles. "No começo foi tranquilo, mas naquele dia pesou mais. Quando você não vê é bem mais fácil. Foi bem complicado vê-los", falou.

A torcida da ativista a partir de agora vai para Gabriel Gasparini. "O Gaspa merece ganhar. Ele é muito bom, muito completo, entende os dois lados do jogo. Ele já trabalhou com negócios tradicionais e é uma visão que a maioria não tem, e é muito bom no mercado criativo também", elogiou.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário