domingo, 17 de julho de 2016 - 16h19 / Atualizado em domingo, 17 de julho de 2016 - 17h06

Candidatas são avaliadas por júri técnico

As 30 concorrentes participaram de uma das etapas decisivas do concurso

Candidatas posam para o júri técnico ao final do desfile Foto: Antares Martins/BE Emotion

| entretenimento@band.com.br

Na manhã deste domingo, dia 17, as candidatas à coroa de Miss Rio Grande do Sul BE Emotion passaram pelo primeiro grande desafio do concurso. Elas desfilaram no clube Leopoldina Juvenil, em Porto Alegre, usando trajes de gala e biquínis, e foram avaliadas por um júri técnico. Além disso, responderam a perguntas dos jurados. Eles são responsáveis por escolher as 14 participantes que avançam na competição -- a 15ª será eleita por voto popular, no band.com.br, e pelo Twitter.

A banca foi formada por Carol de Barba, repórter do site RG, Sabrina Schulke, booker e proprietária da agência de modelos Cast One, de Caxias do Sul, e Rodrigo Toigo, diretor fashion da Ford Models, parceira do concurso Miss Brasil BE Emotion e suas versões estaduais.

Para Carol, chamou a atenção o conjunto de belezas variadas, com ruivas, loiras, negras e morenas. Ela adianta que sua escolha levará em conta mais do que a estética. "A exemplo do que vimos no Miss São Paulo BE Emotion 2016, com a Sabrina de Paiva, que virou referência, gostaria muito de ajudar a eleger uma menina com uma mensagem bacana, principalmente em relação ao empoderamento da mulher".

Já Sabrina Schulke, que é ex-modelo, diz que prezará mais a naturalidade. "O padrão mudou muito. Menos é mais. Além disso, queremos personalidade. Uma miss tem que encantar", avalia.

O diretor da Ford Models segue a mesma linha, e vai privilegiar as concorrentes que são "naturalmente lindas". Ao contrário do que aconteceu no Miss São Paulo deste ano, em que também fez parte do júri técnico, Toigo avalia que, desta vez, não há uma candidata que ofusque as demais. "Está muito equilibrado, e o nível é alto. É um dos melhores grupos de todos os anos".

Marthina Brandt, Miss Brasil BE Emotion e Miss Rio Grande do Sul 2015, também acompanhou os desfiles e relembrou sua própria experiência. "Passa um filme na cabeça. No ano passado, eu estava no lugar delas", diz.

De acordo com a gaúcha, as participantes se saíram bem, apesar do nervosismo, e entenderam a necessidade de modernidade exigida pelo concurso hoje. "Acho que teremos uma supercandidata no Miss Brasil deste ano. Dava para fazer um concurso nacional só com elas", brinca. A mulher mais bonita do Brasil revela ainda que tem suas preferidas. "Mas não posso contar".

O Miss Rio Grande do Sul BE Emotion, organizado pela Polishop e a BE Emotion, acontece no dia 23, às 22h30, com transmissão ao vivo pela Band e pelo Portal da Band para todo o Brasil.

O público também pode assistir ao evento da plateia - veja como comprar ingressos. Vote também em sua candidata favorita. Ela pode ficar entre as 15 semifinalistas.