'A gente quer ficar, mas quando sai dá até um alívio', diz Eduardo M. após eliminação

O cozinheiro arriscou com um peixe que não conhecia e acabou dando adeus ao programa

O médico Eduardo Mauad não deu sorte com o peixe selecionado para trabalhar na prova de eliminação, não conseguiu conquistar o paladar dos jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin e deu adeus ao MasterChef Brasil.

“A carne tem um sabor muito bom, mas é muito mole, saía na minha mão. Testei no vapor, pra deixar cru no meio, mas não gostei. Apostei no ceviche pra não ter erro”, revelou o participante.

Na prova de eliminação, Haila foi a responsável por distribuir os peixes que cada um dos participantes trabalharia. Eduardo M. acabou fincando o carapau, um peixe gorduroso e muito usado em sashimis.

O cozinheiro ficou perdido durante a prova, sem saber muito bem como trabalhar com a carne, e tentou vários processos antes de partir para o ceviche. Os jurados acharam o prato muito arriscado, o que culminou na eliminação do médico.

“Chega um ponto da competição onde todo mundo sabe muito, estudou muito. Eu sei cozinhar mas tenho um conhecimento técnico muito baixo. Eu tô feliz com meu desempenho, acho que consegui cumprir meu objetivo aqui dentro”, disse após o resultado.

Além da medicina, Eduardo cultiva paixão pela música e a gastronomia, e pretende seguir com as três áreas daqui pra frente: “Vou estudar os três. Pra mim, essas profissões são uma diversão”, frisou.

“A gente quer muito ficar, mas quando sai do programa dá até um alívio, toda a tensão passa. A gente quer chegar até a final, ganhar, mas é muita pressão, muito complicado”, completou.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário