Mais um advogado defende acusados de rojão

Wallace Martins, que é professor de direito penal na Universidade Cândido Mendes, assumiu o caso junto com Jonas Tadeus Lopes, que já defende Fabio Raposo e Caio Silva de Souza desde o início

A defesa da dupla acusada de ser responsável pelo rojão que atingiu e matou o cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Andrade terá mais um advogado. O criminalista Wallace Martins assumiu o caso junto com Jonas Tadeus Lopes, que já defende Fabio Raposo e Caio Silva de Souza desde o início. Os dois advogados esperam a decisão da justiça sobre a prisão preventiva pedida pelo Ministério Público para entrar com Habeas Corpus. 

O MP entende que Fabio e Caio devem responder juntos por homicídio doloso, com intenção de matar, triplamente qualificado, por motivo torpe, sem dar chance de defesa à vítima e com emprego de explosivo, além do próprio crime de explosão. Se condenados Fábio e Caio podem pegar mais de 30 anos de prisão.

Wallace Martins, que é professor de direito penal na Universidade Cândido Mendes, afirmou que o pedido de prisão dos acusados é equivocado e, caso seja decretado pela justiça, irá pedir a liberdade de ambos. 
Ele divulgou em um perfil na internet nesta terça-feira que está cuidando da defesa dos "meninos do rojão". O advogado afirmou ainda na rede social que não tem qualquer ligação política com a causa. 

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário