Protetor solar promete reduzir rugas

A fórmula já está pronta para ser comercializada, mas ainda não foi apresentada a empresas do setor

Pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, desenvolveram um filtro solar que promete combater rugas e flacidez. Segundo os testes realizados, o novo bloqueador  melhora a textura e a elasticidade da pele, estimula a renovação celular.

A fórmula já está pronta para ser comercializada, mas ainda não foi apresentada a empresas do setor.  Segundo os pesquisadores, o segredo da nova fórmula é a mistura de extratos vegetais de Ginkgo biloba e de algas marinhas vermelhas às substâncias fotoprotetoras. Também foram adicionadas ao produto vitaminas A, C e E.

Esses extratos foram escolhidos com base em pesquisas anteriores, que comprovaram que seu uso contínuo melhora a condição da pele envelhecida pelo bronzeamento, além de deixá-la menos vulnerável aos danos provocados pela radiação solar. Já as vitaminas foram adicionadas por estimularem a renovação celular.

De acordo com os pesquisadores da USP, o produto pode ser usado tanto no verão quanto no inverno. Graças à presença dos extratos vegetais, a pele das voluntárias ficou livre de danos nessas duas estações, e também em condições de mudança brusca de temperatura.

A segurança para uso cosmético foi atestada e avaliada durante uma parceria com o laboratório francês Evic. O trabalho foi apresentado no Congresso da Sociedade Internacional de Químicos Cosméticos, em Barcelona, na Espanha.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário