quinta-feira, 8 de outubro de 2015 - 09h58 / Atualizado em quinta-feira, 8 de outubro de 2015 - 12h42

Erick Jacquin avalia a comida do Bom Prato

O chef francês encarou a fila quilométrica do restaurante popular e foi assediado pelo público

Jacquin aprova comida do Bom Prato Foto: Reprodução/Trip TV

| entretenimento@band.com.br

Erick Jacquin foi desafiado pelo Trip TV desta semana a experimentar a comida do Bom Prato. O restaurante popular de São Paulo vende comida a R$ 1 a pessoas de baixa renda. Diariamente, a rede serve mais de 82 mil refeições em suas 49 unidades no Estado.

Sem frescura, o jurado do MasterChef enfrentou a longa fila e foi assediado pelo público. 

Antes de experimentar a comida, Jacquin fez um balanço. "80% é o produto, 15% é o cozinheiro e 5% é a sorte, porque sem sorte nada funciona".

Com um prato bem servido, ele fez sua avaliação. "A comida é boa. O 'tompero' é bom, não tem falta de sal, não tem excesso de nada. Isso é muito importante para a saúde. Tem que ser neutro", elogiou.

Mas, como nem tudo são flores, o chef internacional encontrou um defeito. "A apresentação é um pouquinho feia. Os pratos são feitos muito rápidos. Precisa de mais harmonização para dar o prazer de comer".

Há mais de 20 anos no Brasil, Jacquin admite que já teve vontade de ir embora. "Às vezes fico de saco cheio daqui, mas quando estou na França quero voltar para cá", afirmou.

O profissional também falou sobre a profissão de cozinheiro, que hoje em dia está supervalorizada. "Ela não era reconhecida. Quando os meninos falavam que eram cozinheiros, as mulheres iam embora, não queriam nem dançar nem conversar. Hoje ser cozinheiro é um glamour. Parece que você é um artista. É muito exagerado e a maioria dos cozinheiros não quer mais trabalhar, quer tirar foto. Os meninos de hoje pensam que chef é o cara que não trabalha, mas o chef deve trabalhar o dobro dos outros", explicou.

Acostumado a frequentar os melhores restaurantes, Jacquin aprovou a experiência. "O patrimônio da gastronomia brasileira não está com os profissionais, com os chefs mais requintados. O patrimônio da gastronomia vem de dentro das casas. Isso aqui é uma cozinha do dia a dia do Brasil. Eu achei bom de saber que acontece, como são feitas as coisas e como funcionam as coisas".

Assista ao vídeo:



Você Viu?
Ex-panicat Thaís Bianca abre espacate e fala de dieta
Kate Winslet guarda seu Oscar no banheiro; saiba o motivo
Já fui criticado e gosto de criticar, diz Samuel Rosa
Miss Brasil 2015 será conhecida no dia 19 de novembro
Não me sinto preparado para fazer política, assume Dan Stulbach

FOTOS: Veja as curvas de Aricia Silva, a Ana Paula Padrão Fifa do Pânico

Aricia


FOTOS: Lembra da Mulher Samambaia? Veja como ela vive na Ucrânia

Dani

 
VÍDEO: Confira um aperitivo das audições do MasterChef Júnior

junior