9 fatos curiosos sobre a Carreta Furacão

Primeiro vídeo do grupo a bombar na internet foi gravado em 2010

A Carreta Furacão é um verdadeiro fenômeno da internet no Brasil. Após bombar nas redes sociais pelos seus personagens irreverentes, passos de danças e manobras radicais, o grupo tomou conta do noticiário brasileiro.

No entanto, você sabe como surgiu o trenzinho mais famoso do interior de São Paulo? Confira abaixo as principais curiosidades relacionadas ao grupo:

1. O trenzinho Carreta Furacão é de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, a capital brasileira dos trenzinhos. Atualmente, ele faz parte da empresa Dominium, comandada pelo casal Wellington Cardoni e Fabiana Cardoni. Os empresários compraram o trenzinho por R$ 50 mil em 2010.

2. O primeiro vídeo da Carreta Furacão  que bombou no YouTube foi gravado por um segurança do trenzinho. Publicado em 2010, nele os dançarinos rebolam ao som de Vem Dançar o Mestiço, de Leandro Lehart. A gravação já tem quase de 6 milhões de visualizações.

3. O Rock in Rio anunciou o trenzinho Carreta Furacão como atração da sua edição de 2017. No entanto, tudo não passou de uma piada de 1º de abril. Apesar disso, a Carreta Furacão vem se apresentando em várias cidades do país – inclusive em São Paulo no próximo dia 20 de maio, na comemoração de quatro anos da festa Republika.

4. Em Ribeirão Preto há uma loja especializada em fantasias de personagens de trenzinhos, chamada Palhaçaria.

5. Os trenzinhos têm fã-clubes formados apenas por garotas, como as Trenzetes e as Dominunzetts.

6. Em 2011, foi fundada uma Associação de Trenzinhos de Ribeirão Preto para defender os interesses das 14 empresas do ramo. Em 2013, a prefeitura aprovou uma lei para regulamentar a atuação dos trenzinhos e proibir certas atividades, como: o consumo de bebidas alcoólicas e a reprodução de músicas com teor sexual quando há crianças há bordo.


7. Assumir o papel de Fofão é o auge na carreira dos dançarinos da Carreta Furacão e de outros trenzinhos similares. Apesar desse status, Orival Pessini, criador do personagem, não gosta da versão genérica utilizada pelos trenzinhos.

8. Há um jogo para Android inspirado no trenzinho chamado Carreta Furacão: The Legend. Desenvolvido pelo Laboratório de Jogos e Entretenimento Digital da Universidade do Estado do Amazonas (Ludus) e lançado em março de 2016, o game já tem mais de 100 mil downloads.

9. Um grupo de quatro estudantes de Audiovisual em São Paulo está terminando o documentário Rebolão, mas sua irmã gosta. Trata-se de um média-metragem sobre os trenzinhos de Ribeirão Preto, inclusive a Carreta Furacão. O primeiro trailer do documentário tem mais de 350 mil visualizações no Facebook e 40 mil no YouTube. Ele será disponibilizado inteiramente grátis na internet.

Leia também:

Carreta Furacão fala do futuro profissional

Você viu?

Carreta Furacão e Aline Riscado dançam ao vivo no palco do Pânico

Carreta Furacão chega ao Panico em tapete vermelhoReproducão/Band

 

Compartilhar