Tânia Oliveira é demitida do cargo de madrinha da Dragões da Real por telefone

Ex-panicat ocupava o posto na agremiação paulistana havia 5 anos; substituta ainda não foi anunciada

Tânia Oliveira não é mais madrinha de bateria da Dragões da Real. Depois de cinco anos defendendo a agremiação paulistana, a ex-panicat foi destituída do posto.

Em um desabafo feito em seu perfil oficial no Facebook, ela demonstrou surpresa pela notícia. "A vida é feita de ciclos e todo ciclo tem começo, meio e fim, claro. Ultimamente tenho terminado/iniciado alguns desses ciclos. Terminei um longo relacionamento, fechei minha academia, me mudei para Mogi das Cruzes, iniciei um programa na Rádio Trans, que eu tanto queria... E, por telefone, a diretoria da Dragões da Real manda avisar que decidiram que meu ciclo nessa importante agremiação chegou ao fim", afirmou.

Tânia relembrou alguns momentos marcantes, como quando descobriu um câncer na tireoide há quase três anos, mas decidiu adiar a cirurgia de retirada do tumor na época para que pudesse honrar seu compromisso com a escola. "Realmente, de fato, eu já vinha desacelerando meu ritmo... Do final de 2016 para cá estive um pouco ausente, sim. Foi quando descobri um câncer e minha vida começou a mudar completamente. Passei o Carnaval de 2017 tentando esquecer que já precisaria ter operado, mas não queria ficar de fora dessa festa que tanto amo desde que me conheço por gente! E com permissão médica para adiar minha cirurgia para retirada do tumor, aproveitei e muito o Carnaval mais feliz da minha vida até hoje", explicou. "Alguns amigos próximos disseram que o Carnaval 2017 foi minha 'quimioterapia', me aliviou dores, me fez feliz quando era para eu estar deprimida e introspectiva".

No texto, ela ainda lamentou não poder se despedir como gostaria. "Foi muito legal fazer parte desse time, desta família de gente feliz por 5 anos. Sinto em não poder despedir-me da comunidade e dos amigos pessoalmente, mas sei que os especiais estarão sempre pertinho de alguma forma, e no meu coração para sempre".

A beldade ainda deixou claro que não pretende ficar fora da folia no ano que vem. "Continuarei voando pelo Carnaval - festa que eu amo de paixão - mas não mais nas asas de um dragão! Vem, Carnaval 2020, vigésimo Carnaval da minha vida, que seja lindo", declarou, sem revelar se já está negociando com alguma agremiação.

Leia o post na íntegra:

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário