Nise Yamaguchi: "Meu posicionamento é forte, sou chamada pra opinar"

Diretamente de Brasília, infectologista participou do Aqui na Band desta segunda-feira, 18

Cotada para o ministério da Saúde, Nise Yamaguchi participou do Aqui na Band desta segunda-feira, dia 18, via videoconferência. Diretamente de Brasília, a infectologista voltou a dizer que não foi convidada a assumir o cargo de ministra da Saúde, embora tenha se encontrado com o presidente Jair Bolsonaro na tarde de sexta, 15. “Meu posicionamento é forte, independe de questões que envolvem a presidência, então eu tenho sido chamada para opinar”, disse.

Defensora do uso da hidroxicloroquina inclusive nos casos leves da covid-19, Nise afirmou que brasileiros estão morrendo, na sua opinião, desnecessariamente. “Tenho posicionamentos individuais, suprapartidários (...) a população está morrendo e, ao meu ver, desnecessariamente. Mas, esse convite não veio, então não sei o que vão fazer.”

A infectologista disse que está trabalhando individualmente para que os protocolos, com relação ao uso da hidroxicloriquina, sejam atualizados. “Eu espero que a gente mude o rumo da pandemia, tire o pavor que a população está sentindo (...) você pode se tratar precocemente e se salvar. Vamos ter que ter posições mais fortes e definitivas neste momento, porque o caos já está instalado. ”

Nise Yamaguchi: Meu posicionamento é forte, sou chamada pra opinar

Compartilhar

Ler a notícia completa

Deixe seu comentário