Sabia que a Catia me ajudaria a realizar meu sonho, conta fã

Andréia, de 38 anos, estava na plateia do Melhor da Tarde e conseguiu conhecer o Datena

Todo mundo tem aquele ídolo que acha que é inalcançável, mas para Andréia de Cassia Fabrino, de 38 anos, o sonho virou realidade. Depois de anos acompanhando José Luiz Datena pela televisão, ela pode finalmente ficar frente a frente com ele.

E o encontro foi cheio de emoção graças a uma ajudinha de Catia Fonseca. Andreia estava entre as participantes da plateia do Melhor da Tarde, e ao avistar o apresentador de longe, a auxiliar de limpeza passou mal de tanto nervoso.

Nos bastidores, ela abriu o coração e revelou o quão emocionada estava. "Eu fiz promessa para a Catia vir pra Band, porque ela é muito humana e sabia que ela ia me ajudar a realizar meu sonho", disse. E ao finalizar o programa, ela pode visitar o estúdio do Brasil Urgente.

Andréia não só conheceu Datena como também o abraçou, beijou, chorou, recebeu muito carinho e até cantou ao lado dele. Ela explicou que está desempregada há mais de um ano e meio e que não sabia para quem mais recorrer, senão ele. Emocionado, o apresentador acionou o telefone de contato da produção para que o público pudesse ligar e oferecer ajuda à dona de casa.

Após a participação inesperada no programa, ela desabou em lágrimas. "Eu não tenho mais coração. Ainda bem que não tenho problema cardíaco. To com a perna bamba. Foi muito bom! Eu to tremendo muito, me sinto sem chão, sabe? As pessoas ficavam falando 'Ah você é louca! Você nunca vai conseguir fala com ele'. Meu filho duvidou de mim, minha mãe também. Agora todo mundo viu que eu consegui sim", afirmou com as mãos trêmulas.

Mais calma, Andréia explicou que pegou dinheiro emprestado para conseguir vir de ônibus e metrô lá da zona norte até a Band. "Eu arrisquei e vim sozinha, com a cara e a coragem. Saí perguntando como chegava aqui e as pessoas me ajudaram, foram muito gentis", relatou.

"Eu acompanho o Datena há mais de 15 anos. Na hora do programa dele fico eu e a TV. Fico tão emocionada quando o vejo. É muita admiração, sabe? É algo inexplicável. Eu agradeço à Catia, porque se não fosse pro ela não teria acontecido. Outra pessoa não faria o que ela fez", completou enxugando as lágrimas.

O Melhor da Tarde vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 14h às 15h apenas para São Paulo, e das 15h às 16h para todo o Brasil, na tela da Band.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário