Fiquei tranquilo por ser cozinha francesa, revela Ravi

Participante não se complicou durante a prova de serviço e foi bastante elogiado pelos jurados

O cozinheiro profissional Ravi Leite surpreendeu os jurados Erick Jacquin, Henrique Fogaça e Paola Carosella por sua pró-atividade e energia durante a prova de serviço, comanda pelo jurado francês. Ele, que não agradou com sua reinvenção de feijoada, foi grande destaque depois.

"Acho que nos organizamos bem. Dividimos as funções ali, economizamos tempo e não tivemos que fazer duas vezes a mesma coisa. Foi tranquilo. A única coisa que aconteceu [de errado] foi o filé, que era um prato que demorava um pouco mais para ficar pronto. Foi uma grande responsabilidade para mim e para a Bárbara", disse o participante ao Portal da Band.

"Eu estava bem confortável, apesar disso. Quando vi que o Jacquin iria comandar o serviço, eu fiquei tranquilo por ser cozinha francesa. Na hora de dividir as funções, eu falei: 'Estou confortável fazendo qualquer coisa que vocês falarem'. Menos uma, na verdade. Odeio fazer caramelo. Sempre dá uma 'zica'. Mas até isso eu tive que fazer hoje porque ficou corrido para todo mundo e eu tomei as rédeas", explicou.

Ter ido para uma segunda prova de eliminação logo no primeiro episódio deu uma desanimada em Ravi. "Os jurados não curtiram o meu prato. Eles deram 'n' motivos, mas questão de gosto, paciência. Para mim, não tinha tanta coisa errada quanto eles falaram", explicou. "Então, eu já estava desanimado de estar entre os quatro piores, mas ergui a cabeça porque tinha mais provas pela frente. Agora, vou tentar subir mais cedo para o mezanino", finalizou.

Erick Jacquin comanda a primeira prova de serviço; veja fotos

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário