Foi muito difícil, diz Leonardo sobre reproduzir prato

Cozinheiro paulista ressaltou que ele é mais novo que a receita do chef Emmanuel Bassoleil

Para escapar da eliminação, os participantes do MasterChef tiveram um desafio de fogo. Eles precisaram reproduzir o robalo no vapor com molho de champanhe e pastel de caviar, receita premiada do renomado chef Emmanuel Bassoleil.

Leonardo Santos fez a melhor releitura e comemorou o resultado: “Foi muito difícil porque o prato é super complexo, é uma prato mais velho que eu, tem 25 anos e eu 22. Porém, foi fantástico porque sou fã do trabalho do Bassoleil, acompanho, é uma honra imensa cozinhar para ele e ganhar a prova com o prato provado por ele. Foi uma das melhores experiências do programa”.

Apesar de ser uma receita com várias etapas, o cozinheiro paulista contou que não teve que enfrentar nada desconhecido. “Já tinha trabalhado com caviar, foi tranquilo, não tinha nada que eu não tinha visto”, explicou.

O publicitário ainda comemorou o seu bom desempenho nas provas de reprodução. “Tanto eu quanto a Michele vamos bem, se você reparar. Eu gosto de reproduzir, não sou chef de cozinha, e acho que é assim que a gente aprende pra depois criar”, argumentou.

Leonardo aproveitou para ressaltar a importância dos seus estudos e defendeu o seu tempo na cozinha. “Tenho conhecimento técnico pra executar cada preparo e aí a gente conhece um pouco do sabor e dá pra chegar lá”, afirmou.

“As pessoas se assustam quando eu tô cozinhando, porque eu sou meio lerdo, mas não é que eu sou lerdo, é que eu sou muito calmo. Acho que assusta. Ele falou que estava muito delicado com o legume, mas é tudo minuciosamente calculado, sei que o picado menor vai chegar antes do picado grande, então eu tenho maior cuidado pra chegar no final com um resultado bom”, completou.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário