Preocupei-me demais com os espinhos, lamenta Vitor

Tempo utilizado para limpar o filé de sardinha acabou prejudicando ele na hora do seu empratamento

Após fazer o prato "mais feio da história do MasterChef Brasil", segundo Henrique Fogaça, o cozinheiro amador Vitor Bourguignon deu adeus aos jurados Erick Jacquin, Henrique Fogaça e Paola Carosella. Em entrevista ao Portal da Band, o participante lamentou ter utilizado tanto tempo para limpar os filés de sardinha, prejudicando o seu empratamento.

"Eu me preocupei demais com os espinhos e a sardinha é um peixe que tem uma infinidade deles. Isso me custou um tempo que eu não tinha e acabou me prejudicando na hora de empratar, principalmente a qualidade dos meus acompanhamentos. Isso acabou culminando na minha eliminação", afirmou Vitor.

Com três pontos no dedo após um corte durante a última prova de eliminação, o pagodeiro disse que isso não foi seu grande o problema. "O dedo me atrapalhou um pouco no começo, na hora de filetar a sardinha, mas não foi decisivo a ponto de eu ser eliminado por causa disso", disse.

"A ideia era boa, só foi executada de maneira corrida. O prato estava gostoso, mas o que me ferrou mesmo foi o empratamento e a falta de cuidado na hora de servir. Eu precisava ter caprichado mais", explicou o cozinheiro amador. "Pelo menos posso levar isso para mim: a pessoa que fez o prato mais feio na história do MasterChef e a única pessoa que cozinhou com todos os olhos voltados para si", completou.

Aliás, segundo Vitor, esse foi seu principal momento na competição. "O que mais me marcou com certeza foi a prova com ingredientes do Pará, por conta do turbilhão de emoções que eu vivi naquele dia. Saí de um pesadelo para um sonho, ouvindo os elogios que eu ouvi dos chefs. Foi muito bacana", finalizou.

Veja a foto do prato:

prato vitor

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário