Cecília Bizzotto é morta durante assalto

Atriz foi rendida na porta de sua residência por três bandidos armados

A classe artística de Belo Horizonte amanheceu chocada com a notícia do assassinato da atriz Cecília Bizzotto, de 32 anos, durante um assalto à sua residência no bairro Santa Lúcia, região Centro Sul da capital. Segundo informações da Polícia Militar, ela foi rendida quando tinha acabado de chegar em casa na companhia do irmão e de um cunhado, na madrugada de domingo.

Os três suspeitos, armados, renderam os moradores e os obrigaram a entregar diversos pertences pessoais, como aparelhos eletrônicos, roupas e objetos de valor, além de dinheiro.

No momento da ação dos bandidos, a atriz tentou ligar para a central de atendimento da Polícia Militar, pelo 190. Mas ao perceber que ela iria pedir socorro, um dos suspeitos atirou contra Cecília. Ferida no peito, ela morreu no local, segundo informações da PM. Os bandidos fugiram e ainda não foram identificados.

Confira a edição do Metro BH desta segunda-feira
Veja as edições do Metro pelo país

Cecília atuava como professora de teatro. Ela trabalhava na Companhia Lúdica dos Atores. Ontem à tarde, o grupo apresentaria a montagem de “Rei Lear” no Parque Ecológico da Pampulha. Cecília seria responsável pela fotografia da peça, que foi cancelada.

Os pais da atriz, seu ex-marido, e o filho de 12 anos vivem na França. Atores, atrizes, produtores e músicos da capital prestaram homenagens à “Ciça”, como era carinhosamente chamada, por meio de mensagens e depoimentos postados nas redes sociais.

Compartilhar