band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em domingo, 11 de dezembro de 2011 - 22h54

Bárbara Evans encara 15 perguntas picantes

Capa da revista "Playboy" de dezembro, a modelo concedeu uma entrevista exclusiva ao band.com.br
Bárbara Evans: a ninfeta mais desejada do país / Bob Wolfenson/Playboy Bárbara Evans: a ninfeta mais desejada do país Bob Wolfenson/Playboy

Bárbara Evans viu sua vida dar uma reviravolta após a saída de sua mãe, Monique Evans, da "Fazenda".

A modelo, que antes já era conhecida por seus trabalhos e por ter namorado o ator Kayky Brito, ganhou ainda mais fama depois de seu empenho na internet para que a mãe levasse o prêmio do reality show da Record.

Apesar do esforço, a Titia saiu do jogo sem os R$ 2 milhões, mas tornou-se a sogra dos sonhos de muita gente.

No auge de seus 20 aninhos, Bárbara foi convidada para estrelar a edição de dezembro da "Playboy" e, desde então, vem dividindo opiniões. Mas ela não dá bola às invejosas de plantão. "As fotos já dizem tudo, uma pena essas mulheres falarem tão mal das outras! Por que não assumir que realmente uma mulher é bonita, tem um corpo natural e legal? Não entendo isso... quando acho uma mulher bonita não fico com inveja e não vejo nenhum problema em elogiá-la", afirma a beldade que já foi chamada de "peito caído" e acusada de ser garota de programa.

Apesar dos pequenos aborrecimentos, ela garante que está feliz da vida. "Quero comprar meu carro e investir o dinheiro", revelou sobre o cachê.

Ao contrário de algumas famosas que posam nua, Bárbara disse que não precisou tomar nada para ficar mais "soltinha" durante as fotos. "Cheguei decidida que iria fazer e não vi problema algum. A equipe é muito bem preparada e te deixa super calma", garantiu. "Também não fiz dieta e nem malhei. Fiz com meu corpo como ele é porque a intenção era de que ficasse tudo muito natural".

E se por um lado ela desagrada algumas mulheres, de outro a ala masculina é só elogios. "O assédio aumento muito. Meu Facebook lotoooooou, mas assumo que estou gostando", revelou.

Em um bate-papo exclusivo com o band.com.br, a herdeira de Monique Evans abriu sua intimidade e mostrou seu lado mulher ao responder 15 perguntas picantes; confira!

Bárbara Evans Bob Wolfenson/Playboy



Qual é o seu cheiro preferido?
Cheiro de namorado (risos).

Lugar mais inusitado onde já fez amor?
Em uma obra.

É adepta ao uso de acessórios para apimentar a relação?
Não.

Qual é o tempo máximo que aguenta sem sexo?
Não ligo para o tempo, quando rola, rolouuu...

Tamanho é documento?
Não mesmo!

O que vale mais: qualidade ou quantidade?
Um pouco de cada está bom! Mas é claro que a qualidade é o principal.

Já fingiu orgasmo?
Nunca! Se começou vai até o fim...

O que é mais importante para você: as preliminares, o ato em si ou o depois?
O ato e o depois.

Qual a maior loucura que já fez por amor?
Quebrei um computador todo (risos).

Qual a sua maior fantasia sexual?
.....

Bárbara EvansBob Wolfenson/Playboy



Você acha que sexo anal pode ser prazeroso como disse a Sandy em entrevista?
Não é a minha praia.

Mudaria alguma coisa em seu corpo?
Sim, meu papo, essa parte abaixo do queixo (risos).

Já recebeu alguma proposta indecente?
Não dou liberdade para isso!

O que te deixa excitada?
Cheirada no cangote.

E o que te faz brochar?
Ladainha cara que quer se passar por inteligente e na real é um burro.

Bárbara EvansBob Wolfenson/Playboy

 

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias de Entretenimento do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros