band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 29 de maio de 2013 - 14h43

Justin Bieber nega ter "tirado racha"

Cantor disse que não estava dirigindo sua Ferrari, mas testemunhas relataram o contrário
Justin Bieber nega ter dirigido imprudentemente / Divulgação/Instagram Justin Bieber nega ter dirigido imprudentemente Divulgação/Instagram

Mais um capítulo sobre mau comportamento é vivido por Justin Bieber. O cantor está sendo investigado pela polícia de Los Angeles por ter "tirado um racha" com a sua Ferrari branca nessa segunda-feira, dia 27, pelas ruas do condomínio em que reside.

Segundo o site "TMZ", fontes próximas do astro canadense disseram que não era ele quem estava dirigindo. Mas o ex-jogador de futebol americano Keyshawn Johnson relatou o contrário. Ele perseguiu Bieber pelas ruas de Calabasas com o seu carro e repreendeu a atitude do cantor.

Além do excesso de velocidade, Justin também tem que se preocupar com o processo criminal que responde por ter cuspido no rosto de um vizinho e, depois, ter o ameaçado de morte. O morador do condomínio confrontou Justin, pois ele estava dirigindo, novamente, em alta velocidade.

Ainda de acordo com o veículo, o Departamento de Polícia não vai se pronunciar até que testemunhas sejam entrevistadas. Apesar de uma pessoa próxima ter dito que ele não cuspiu, fontes policiais disseram que há pelo menos uma testemunha, além da vítima, que vai depor contra o rapaz.

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias de Entretenimento do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros