Protagonistas de 50 Tons de Cinza querem aumento

Jamie Dornan e Dakota Johnson querem receber um valor de sete dígitos para gravar a sequência

2015 mal começou e "50 Tons de Cinza" já tem grandes chances de ser o filme mais comentado deste ano.

Após rumores de que o protagonista não estaria na sequência da série, agora correm os boatos de que o casal principal teria pedido um grande aumento no salário para a segunda parte da saga.

Segundo a revista "Hollywood Reporter", Jamie Dornan e Dakota Johnson querem cobrar um valor de sete dígitos e a negociação para o próximo filme gira em torno de um milhão de dólares para cada um.

Uma fonte da revista ainda mencionou que isso é comum em produções derivadas de livros: "Foi um negócio básico de franquia. Olhe para Crepúsculo e Jogos Vorazes, é por aí que eles estão indo".

No entanto, o que realmente choca a equipe é que esse aumento no salário dos protagonistas seria bem grande já que para gravar o primeiro filme, cada um recebeu 250 mil dólares.

Escute a playlist de "50 Tons de Cinza":

Compartilhar